"O BOM DA PAIXÃO
É QUE É RENOVÁVEL"
.
*artesãdaspalavras*

"Aqui estão registrados meus melhores e meus piores momentos. Minhas mais lúcidas e mais loucas inspirações. Ao escrevê-las, percorri sentidos e emoções.Tentei descrever com palavras os sentimentos mais contraditórios.
Se consegui? Não sei.
Mas valeu a tentativa."
.
IzilGallu

15 de janeiro de 2011

UMA BRASINHA


Você me deu a vida

como uma brasinha

Colocou-me no meio da lenha

mas depois esqueceu de assoprar,

Deixou-me lá pequenina,

e sozinha fiquei tentando

manter-me acessa

Você....

Esqueceu-se de olhar para trás

“Pai”

3 comentários:

Blog da Fofa disse...

Ser pai não é simplesmente plantar a semente. Tem que cuidar, regar, colocar no sol, proteger... Tem q ser pai. Lindo poema. Bjo grande

Susana disse...

Poema muito simples e bastante bonito e profundo.
Parabéns :)
SusanaSousa
http://arte-poetica-ss.blogspot.com

Morte Filosófica disse...

Como sempre, me faz sentir tocada, me alcança com suas palavras.
Como sempre afirmo, amo, amo muito seus textos, e esse... Fez-me chorar por dentro.
Abraço!